“Para mim, praticante e instrutor de várias Artes Marciais e Desportos de Combate, a FMA – P  abriu-me novos horizontes, mostrou-me que se pode aprender e ensinar com Ciência. Quando nos ensinam princípios que são Universais e nos provam por A + B que é assim, tudo passa a fazer sentido.  A Arte, passa a ser Ciência, e deixa de ser uma Religião. FMA-P, é Ciência em movimento”.

João Teixeira

Fiscal, C.M. de Santa Cruz

FMA-P

Especializados em defesa-pessoal com combate

DEFESA-PESSOAL

Defesa-pessoal é um contexto de combate em que o objectivo é sobreviver. Em que as regras não estão estabelecidas à partida e onde “desistir” não é opção.

É uma área de grande responsabilidade e um desafio à qualidade do treino – é aqui que somos diferentes.

Acreditamos que para sobreviver é preciso ter uma vantagem.

A nossa missão é dar-lhe essa vantagem através do treino ou do uso de um objecto.

Mas para perceber o que pode ou não fazer e quando e onde o pode fazer, tem de conhecer primeiro os fundamentos do confronto (as “regras do jogo”) e depois validá-los.

Conhecer os tipos de cenários que pode encontrar e o que decidir defensiva e ofensivamente para alcançar o seu objectivo – é aqui que entra a estratégia e a táctica.

 

Pergunta: “Se quiser começar a aprender xadrez, começaria pelas regras fundamentais ou pelas jogadas?”…

Não podemos ensinar-lhe um repertório de técnicas intermináveis, padronizadas e descontextualizadas. Isso pode ser divertido e dar vídeos muito giros, mas de facto vale zero para a sua progressão.

Porquê?

Porque na defesa-pessoal todas as condições são desconhecidas e a capacidade de reacção humana segue princípios científicos bem estudados.

Ter portanto um “manual técnico” que adivinhe o futuro, estabelecendo condições que na realidade são desconhecidas, é uma fantasia da qual nos afastamos ao longo dos anos.

Por outro lado também, pensar que se pode reagir em tempo útil e escolher a técnica X, Y ou Z no meio de muitas, é outra fantasia de “super-homem” ou de alguém que, de facto, nunca lutou…

Preferimos conhecer as regras do jogo, em vez das jogadas. É isso que vai encontrar connosco desde início.

Estamos à sua espera.

Pedro Silva – responsável-técnico FMA-P